04 fev, 2017

Ela não me ama

04 fev, 2017

Se você chegou a essa conclusão, é porque realmente ela não o ama. Simples assim. Sem devaneios, sem contornos, sem “e se’, apenas a verdade nua e crua sobre os desejos carnais que atualmente move os relacionamentos a curto prazo/longo prazo.

De facto, a recíproca deve ser verdadeira, e isso é simples e óbvio de se ponderar, talvez não para o protagonista desta drama em questão, pois esterá cego em meio a sentimentos fortes e depreciativos, mas para quem está de fora consegue perceber isso com clareza. Quem nunca teve um amigo que o alertava que ir atrás daquela menina seria perda de tempo? Na maior parte do tempo quando ouvimos conselhos de amigos e pessoas próximas sobre a falta de reciprocidade de uma relacionamento que você tanto almeja eles estão certos. Onde eu mesmo faço mesmo, quando respondo mensagens de membros que estão passando por esses problemas sobre mulheres. Quem está de fora consegue observar com racionalidade e pragmatismo, por estar isento de sentimentos cegadores, mas vale salientar que os sentimentos não são inimigos, eles podem confundi-lo e modificar a sua interpretação sobre coisas simples e que estavam claras desde o início. Quem está de fora sabe o quão simples é e fácil detectar quando um relacionamento está sendo recíproco ou se tende a humilhação de um amigo e ente querido. Tento dialogar com vocês sobre essas questões deve fazer uns 5 anos, e ao longo de minha experiência e dos relatos que recebo de membros do mundo inteiro, percebo que o padrão para o anseio, amor e desejo de alguém se resguarda em muito, na questão reciprocadora.

“O amor hoje é a infeliz busca pela a autossuficiência social em meio aos receios que nos englobam, como uma ferramenta, um desejo em ações que superariam problemas e desilusões passadas.”

Você pode adquirir bons conhecimentos, pode amadurecer e perder a timidez, pode malhar e ficar com um corpo saudável, forte e atlético, pode estudar e ler 100 livros por ano e ser um intelectual completo e sábio, mas nada disso importará se a mulher que você tanto ama não o quer. Não é uma questão de você não ser bom o suficiente ou talvez seja, nunca se sabe, ou talvez você seja bom demais para ela. As vezes sentimos atração por alguém e as vezes não. Isso pode ser instintivo. O que eu aprendi na minha vida e que posso dizer com uma certa convicção é que forçar algo que não ocorreria naturalmente não tende ser algo bom e tende ao fracasso. Não estou afirmando que não devemos tentar conquistar uma mulher que ao primeiro passo tende a ficar indecisa sobre trocar sentimentos recíprocos, isso faz parte de uma conquista, do namoro, de uma batalha pelo o cortejo que é natural e bonito, mas tome cuidado e entenda que temos que saber identificar quando fica evidente que não se trata mais de uma conquista inicial em busca de afeto, mas sim, tentar algo que não vai acontecer, porque ela, infelizmente, não o ama, e resta a você superar isso e seguir em frente de cabeça erguida, sem apelar para a miséria e autoflagelação de ego e autoestima.

Você deseja ingressar-se em nossas fileiras?

Se sim, cadastre-se clicando no botão abaixo que entraremos em contato quando dermos início a essa inciativa.

«
»
  • Trish

    That’s the pefrcet insight in a thread like this.

  • Marcos

    Olha eu passei por isso. E doeu pra caralho. O brother q falou dos genes, tem a ver um pouco com isso sim. Mas p quem ta passando a resposta é: não existe explicação. Cabe a vc se afundar na autopiedade ou se levantar sozinho e seguir em frente. E pode acreditar, vai doer mas isso fará de vc mais forte.

  • Aryy

    – Estou passando por um momento bastante delicado no meu relacionamento. Esse texto chegou na hora certa para abrir meus olhos e entender de uma vez por todas que ela realmente não me ama, se me amasse me trataria de uma outra maneira.

  • Passei por isso recentemente , e digo q é muito difícil mesmo , mas adorei o texto me fez abrir a mente um pouco e refletir sobre isso.

  • Como dizia o profeta Zaratustra: “Corajosos, descuidados, zombeteiros, violentos – assim nos quer a sabedoria: ela é uma mulher, ela ama somente um guerreiro”.
    Vocês não entenderam…

  • Li. Li mais de 5 vezes este texto. É uma das coisas que me faz ficar mais confortável depois de um término de 1 ano e 5 meses, onde eu e ela éramos próximos, pelo menos, eu era próximo dela. A reflexão inicial e final do texto simplesmente condizem com situações iniciais e finais de um relacionamento fadado ao fracasso. Parabéns! Talvez pra outros sejam apenas um texto com um teor até mesmo informativo em contrapartida, para alguns é mais do que isto.

  • Alexandre

    Excelente texto. Simples, curto e direto. Sensacional. Adorei a parte que menciona os sentimentos que nos cegam e não nos permitem que enxerguemos o óbvio. Tudo consequência do amor, da paixão, etc. Eu creio que o mais difícil nessa questão é aceitar que ela não nos quer. Ter esse bom senso, essa maturidade é quase que impossível quando seu corpo está coberto de substâncias que te fazem ver naquela pessoa a mulher da sua vida. É difícil sair de cena. Dar tempo ao tempo. Deixar que as coisas sigam naturalmente o seu fluxo e, caso seja para dar certo, que seja lá na frente.
    Desse modo, acredito que o que mais vale são as experiências partilhadas com outras pessoas. Gente que viveu o que você está vivendo. Partilhe informações, conhecimentos e ideias com elas, pois a partir daí vamos nos sentir seguros e confiantes ao tomar uma decisão, seja ela qual for.
    E nunca é demais lembrar que a experiência é um carro com os farois voltados para trás. Portanto, somente a teremos se tivermos a ousadia de viver!
    Semper viri, meus amigos! Vocês são fantásticos!

  • Tenchin WolfTiger

    Se você se apaixonou por uma mulher primeiro é caso praticamente perdido. Ela te verá como inferior a ela. E mulher só se apaixona por quem está acima dela. É uma questão instintiva que busca selecionar o melhor macho da espécie. Nem ela mesma sabe disso, mas é assim que funciona. Não importa o quão bom você seja. Não importa tudo que faça por ela. Quanto mais se corre atrás, mais ela recua. Mulher tem milhares no mundo. Não se prenda a quem não te quer e se já estiver preso, se afaste. Tempo, aceitação e distância, mesmo que no começo seja difícil, essa é a melhor tríade de remédio que se precisa para tirar alguém da cabeça. O tempo ele cura e uma vez livre de tal sentimentos, verás que irias cometer uma baita burrada. No fim você encontra não de quem você precise, mas de quem precise de você. Força e Honra!

  • Pablo Nunes

    Acabo de passar por essa situação, abro o blog e tem esse texto publicado. Tudo tem uma razão de ser, semper viri irmãos.

  • John Pessoa

    Todos temos de passar por isso para progredir, o texto está muito bem escrito na minha opinião. Digo, na sequência que o autor escreveu deixa bem claro que o certo é realmente “aceitar” e seguir em frente, não forçar algo que deveria ser natural para acontecer conforme a nossa vontade.

  • Esses conselhos nunca são ouvidos pelo simples fato de ainda não termos passado por essa experiência, imagine a si mesmo nessa situação, o que te varia deixar a pessoa em questão de lado? Eu, particularmente, dependendo da pessoa que me desse esse conselho, suspeitaria algum interesse pessoal dela.
    Pelo menos na primeira vez essa humilhação se faz necessária. Isso é experiência de vida. Aprendemos com os erros, aprender com o erro dos outros, em certas situações (principalmente em se tratando de relacionamentos) são impossíveis. Esse papinho de seguir de cabeça erguida é dito por quem já passou por isso e que não quer que ninguém mais passe, mas a vida é assim.